Saturday, October 9, 2010

Poema selecionado Prêmio NÓSSIDE 2010

Tive o meu poema The soul Keeper selecionado para o Prêmio NÓSSIDE de poesia 2010, realizado pela UNESCO. É o único concurso de poesia que recebe inscrições de todas as línguas. 




The soul keeper

Ao retrato de Sabina Spielrein filmado por Roberto Faenza

No vórtice
varrendo as horas
do fundo do poço
um abismo sem dono
disfarça o escuro,
descasca dos muros
os musgos
que crescem ao roer da alma.

A dor disseca profunda,
bisturi de pulsantes vertigens.

O amor:
estende-se, (entende-se)
aprende-se, (enlaça)
vasculha e decepa
o fundo do oco bolor.

A mão que erige, molda
a vida
a argila
a pulsar
subterrânea
(no fundo vazio dos vórtices da alma)

3 comments:

Juan Moravagine Carneiro said...

Andei meio sumido por vários motivos...mas aos poucos estou voltando

abraço!

* Felicidade Clandestina said...

É aquele do video?



não me canso de ler este poema.

viacimabue27 said...

sim! é a mesma poesia :) no vídeo é a minha voz!